Resenha – Eleanor & Park (Rainbow Rowell)

Eleanor e Park - Rainbow Rowell
Sinopse:

Eleanor é a nova garota na cidade, e ela nunca se sentiu mais sozinha. Todas as roupas estranhas, cabelo ruivo caótico, e uma vida familiar cheia de problemas, ela não poderia ficar mais de fora nem se tentasse. Então ela senta no ônibus ao lado de Park. Calmo, cuidadoso e – aos olhos de Eleanor – impossivelmente legal, Park acredita que ficar fora do caminho é o melhor jeito de sobreviver ao colegial. Devagar e instantaneamente, através das conversas tarde da noite e uma grande pilha de fitas, Eleanor e Park se apaixonam. Eles se apaixonam do jeito que sempre é a primeira vez, quando se tem 16 anos, e não há nada e tudo a perder. Ambientado no ano escolar de 1986, Eleanor & Park é engraçado, triste, chocante e verdadeiro, uma viagem nostálgica para quem nunca esqueceu seu primeiro amor.

O que eu achei:

Aaaaahhh os amores adolescentes <3

Quando você é novo tende a dramatizar tudo. Cada amor é único e a gente sai por aí suspirando e dizendo: eu nunca amei assim ou eu nunca mais vou amar assim.

O frio na barriga, o nervosismo de se sentir notada e especial, a alegria de ser correspondida <3

O livro de Rainbow Rowell é envolvente e desperta as lembranças de todos esses sentimentos. Um livrinho para ler “numa sentada só”! Eleanor & Park é tão leve e remete a tantas lembranças boas que merece ser lido (já quero filme!).

Eleanor e Park

Park é descendente de coreanos, o que faz dele um jovem diferente dos outros no bairro e escola, porém ele conquistou o respeito e não é perturbado pelos outros alunos.

Eleanor é a novata. Com uma família nada convencional, ela sofre com sua atual situação e ainda tem uma auto-estima baixíssima! Com cabelo cacheado e ruivo (só conseguia pensar que ela era a Merida de Brave), Eleanor se acha feia, gorda e sofre com muitos complexos. Sério, se depender de sua própria descrição não teremos praticamente nada de positivo para falar sobre ela.

O livro vai alternando entre um capítulo de Park e outro de Eleanor, o que eu achei bem legal! Algumas cenas começavam com a visão do Park e ia pra Eleanor e voltava e vice-versa x)

Eleanore Park

Os dois se encontram pela primeira vez no ônibus escolar e depois de muita relutância começam a conversar. Entre gibis e fitas k7 Eleanor e Park descobrem coisas em comum e acabam se apaixonando e a gente pode acompanhar um pouquinho da bonita e complicada história dos dois.

Uma história repleta de referências aos anos 80 (já que a história se passa em 1986) e aborda temas interessantes como sexualidade na adolescência, os sofridos padrões de beleza impostos pela sociedade, problemas familiares, agressão e bullying.

É um livro bem tranquilo de ler e uma boa distração para o fim de semana. Você provavelmente não vai conseguir abandoná-lo antes do fim.

“Eleanor was right. She never looked nice. She looked like art, and art wasn’t supposed to look nice; it was supposed to make you feel something”
  —  Rainbow Rowell, Eleanor & Park

E pra fechar uma ilustração que me fez rir:

ygritte_and_jon__eleanor_and_park__by_mauworld274-d7ty1gi

hahahahahahahaha Fãs, melhores pessoas <3

Comments

comments

1 Comment

  1. […] sei se, como se diz, fui com muita sede ao pote, depois de ter lido Eleanor & Park, ou sei lá qual o motivo, mas achei Amy & Matthew mais do […]

Comentários fechados.